30 de junho de 2014

Itaqueri da Serra: ser ou não ser?

Por do Sol em Itaqueri da Serra
Russo na "7 Elemento" 7a

Olá pessoal, tudo bem? Esse final de semana fui pra Itaqueri, fazer algumas vias que tinha deixado pra trás e arrumar o top de algumas vias. Não tenho tempo pra escrever muita coisa, então vou colar umas fotos ai pra ilustrar e pedir uma coisa: quando forem mexer em via conquistada por outrem, é necessária autorização.

Raul na Chá de Lagartixa 7c
Renato Russo na "Modelo Novo" 8b
Russão na Modelo, via muito boa, pra mim um dos melhores oitavos do pico.
Via Expressa 8a, variante super-protegida da via do Sino. Colocaram uma chapa na via do Sino, descaracterizando muito o que foi a conquista. Quando conquistamos, José Ricardo, Fernando Animal e eu, discutimos muito sobre colocar uma chapa ali, decidimos na época que não. Sempre se escalou assim, inclusive fizemos ela inteira em móvel num padrão de proteção E2, totalmente normal, mas em Itaqueri a galera decidiu começar a escalar em "Auto-top rope".
Outra coisa são as graduações de Itaqueri que precisam passar por uma mudança. Várias delas tão muito exageradas, fruto da escalada fechada na bolha de Itaqueri.

Por último: se queremos dar o exemplo temos que segui-lo. Vamos todos parar o carro lá em cima do bar pra não dar merda com os donos ali da casinha.

Abraços, André Frango.




24 de junho de 2014

Escalando na Serra da Bocaina - Araxá

No feriado de 19/06 partimos pra Araxá, pico que havia conhecido em 2011. Nessa trip escalamos nos setores mais antigos, que hoje tem a prática da escalada proibida: os Tetos, Boas vindas, Desconhecidos. Dessa vez viemos pra conhecer as outras paredes, das proximidades do setor Tsunami. O setor é incrível, escalamos 4 dias seguidos e não fizemos quase nada do que tem pra escalar lá. Muita via, vários setores muito bons.
Ficamos no Refúgio Bocaina, que é levado pela galera local. O Daiex, Guerreiro da Bocaina, é quem toma conta de tudo lá, deixa em ordem o abrigo pra que fique 100%. O abrigo é show, rola uma cozinha perfeita, banheiro, quartos com beliches, uma sala, e um bom espaço pra acampar. O link do Refúgio Bocaina, ai tem vários detalhes importantes: como chegar, sobre a escalada lá, tarifas.
Refúgio Bocaina, onde ficamos acampados os quatro dias, estrutura top!

Escalei no setor Garganta, Ensolarado, Paulistas e Terceiro Andar. Não vou falar de todas as vias e tudo o que aconteceu, mas listar uma meia dúzia que ficou com 6 estrelas na lista.
Setores na Serra da Bocaina, muitas vias de todos os estilos, tamanhos, graduações.

No setor Garganta duas vias achei muito top. A Mulheres ao Poder, um 6sup muito bonito, de uns 25 metros, começa numa fendona e depois toca numa parede vertical/positiva. A outra é a Cedar Wright da Bocaina, um 8c curto e muito técnico, parecido com vias de Itaqueri, essa rolou o flash com os betas do Gustavinho Maneira Filmes. Vejam nesse link uns vídeos muito loucos da serra, feitos pelo escalador local Gustavo.

Greg na Samurai Rastafari 7b no setor Garganta. Renato Russo na seg.

No Ensolarado escalei três vias. A Mundo Mágico 7b, que é irada! Muito bonita, uns 15 metros de curtição, negativa, em agarras boas, a Último Suspiro 8b de segunda e entrei de noite num 9b, Autista do Bando que tem um botão com as duas mãos, você sai voando no meio da parede e agarra numa não muito boa. Lembra o boulder Roleta V7 em Conceição do Mato Dentro.

Nos Paulistas duas que escalei foram iradas. A primeira foi Pelos de Aldebaran, um 7c bonito, com dois negativinhos que fazem o tchan da via. A outra foi a Cortina de Fumaça, um 8a muito doido, muito negativo, esse é recomendadíssimo.

Fernando Koberle na Decadentes 7a no setor Paulistas. Via longa, curtição do começo ao final.

Já no Terceiro andar a melhor via da trip foi a Efeito Colateral um 9a muito bonito, longo de aresta perfeita. Esse não rolou mandar, mas no quarto dia de escalada tava difícil já.

Greg na Efeito Colateral, 9a muito bonito, de aresta no setor Terceiro Andar.

Bão é isso ae, Serra da Bocaina é top!
Abraços, André.